Técnico em mineração, Rogério Pereira da Luz, 42 anos, já foi um corredor extremamente rápido. Mandava bem em provas de tiro, como 100, 200 e 400 metros. Morador de Catalão-GO, há algum tempo ele mudou o foco e tem uma maratona como alvo, Confira!

“Conheci a corrida em 1996 no Exercício Brasileiro, servindo em Cristalina-GO. Na época era corredor velocista, competindo nos 100, 200 e 400 metros rasos. Fui recordista nestas distâncias durante cinco anos, sendo três vezes consecutivas campeão dos Jogos Militares. Em 2003 desliguei-me das fileiras do exército e até 2008 fui goleiro de futebol.

rogerio luz1.jpegEm 2009, a convite de um amigo, fiz minha primeira corrida de rua, de 5K. Hoje estou treinando para uma meia maratona, em outubro, em Brasília. Sigo a planilha da Aline Mirian e usando o SisRUN estou sempre motivado. Com eles dois eu tenho sempre um gás para seguir rumo ao objetivo traçado. Sempre tenho em mente a Corrida de São Silvestre como a principal prova. Participei nos últimos quatro anos e pretendo ir este ano novamente. Mas tenho planos de estar em 2020 na Maratona Internacional de Santiago, no Chile.

As dificuldades para conciliar treinos, família e trabalho sempre existem, porém nunca deixamos que elas nos impeçam de irmos em busca de nossos objetivos. Sempre mantemos o foco, a fé e a força de vontade.

Até por que o esporte interfere de maneira decisiva para o meu bem estar físico e mental. Quando estou treinando ou participando de alguma prova, esqueço todos os problemas. Ganho ânimo, força e disposição. E o melhor de tudo é que estou sempre conquistando mais e mais amigos”

Compartilhar:

147 Posts

Jornalista, pai e corredor. Vê a corrida como uma ferramente para fazer a vida fazer sentido. Não se preocupa em ser rápido, nem com a chegada. O que importa é o caminho...

1 thought on “Rogério Luz: da rapidez nos 100 metros à resistência na maratona”

Escreva uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *