Não duvide se descobrir que a técnica de materiais Silvana Muchau gravou este depoimento durante um treino de corrida. Aos 49 anos, atleta da Vloz Assessoria Esportiva, o que ela mais gosta de fazer é correr pelas ruas da tranquila São Mateus do Sul-PR. Confira!

´´A corrida sempre esteve em minha vida. Na escola eu não me dava muito bem em jogos coletivos, mas era boa no atletismo. Sempre gostei de esportes, de exercícios físicos. Uma amiga, muito querida e professora de Educação Física, me convidou para correr e eu iniciei com curtas distâncias. Isso há mais de 10 anos. E desde então tenho me dedicado a este esporte com muito amor.

Já participei de corridas de longa distância, como maratonas e ultramaratonas de revezamento. E percebo que vou evoluindo todos os dias, a cada treino.

Eu aprendi que na corrida o importante é você superar os seus próprios limites. É vencer as barreiras impostas pelo cérebro e descobrir que você pode sim ir além. Que você consegue!

E não tenho qualquer dificuldade para isso, para treinar e fazer tudo o que preciso no trabalho e na vida particular. É só uma questão de disciplina. Corrida, exercícios físicos e os outros compromissos da vida precisam de disciplina para o sucesso.

Em relação à corrida, a Vloz me ajuda a manter a disciplina nos treinos e ainda me acolhe como em uma família. Todos torcem por nossa evolução e vibram com nossas conquistas. E o mais importante é que eles nos ensinam as técnicas de corrida para que a gente possa correr sempre de forma mais confortável. Isso é importantíssimo para manter o foco e atingir os objetivos. São coisas que impactam positivamente em nossa vida. Nos dá mais fôlego, mais disposição, mais saúde… A corrida transforma nossa vida para melhor!

Nestes meses de pandemia mantive os treinos, algumas vezes na esteira e muitos treinos ao ar livre. A corrida nos dá a possibilidade de se exercitar ao ar livre, sozinho… Isso diminuiu significativamente o perigo de contaminação do coronavírus. Além disso, moro em uma cidade pequena o que possibilita correr em estradas do interior, com segurança.

Este ano minha meta ainda está em curso: correr 2.000 Km. Depois, entrar em 2022 mantendo o foco e voltar com tudo às provas presenciais, rever os amigos e fazer novos. A médio e a longo prazo, o objetivo é seguir treinando e correndo. Esse é o grande propósito: correr sempre, nas provas e no dia-a-dia. Correr hoje, correr amanhã, depois e sempre!´´

252 Posts

Jornalista, pai e corredor. Vê a corrida como uma ferramente para fazer a vida fazer sentido. Não se preocupa em ser rápido, nem com a chegada. O que importa é o caminho...

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *