lilia

Lilia Godoi tem uma história de vida ligada ao esporte. Começou a correr aos cinco anos para tratar uma lesão cerebral séria que quase a deixou com sequelas. Com seis anos foi a primeira colocada em uma corrida feminina. Um ano depois teve alta do tratamento de lilia1-1saúde, mas continuou a prática esportiva, até que aos nove anos foi segunda colocada em um circuito de corridas infantil.

Incansável e sempre em busca de novas experiências esportivas, Lilia começou a praticar triathlon aos 19 anos e logo os resultados apareceram. Como amadora, foi campeã sulamericana e do Troféu Brasil; e quarta colocada no IM Brasil em Porto Seguro.

Em 2010 criou sua própria assessoria esportiva, em Niterói, que vai além do treinamento de corrida e triathlon. Confira!

“A assessoria começou a funcionar em 2010. Já tinha esse desejo desde quando entrei na faculdade de Educação Física. Sempre quis trabalhar com treinamento esportivo e logo depois que me graduei fiz a pós-graduação nesta especialização. Sempre fui atleta, desde pequena. Tive um problema de saúde e no meu tratamento tinha muita atividade física. Até que com seis anos me inscreveram numa corrida de 5K. A Primeira Corrida Feminina da América do Sul e eu completei em 26 minutos! Tenho certificado até hoje!

Passei a praticar corrida e com 10 anos fui vice-campeã do Circuito Infantil de Corridas infantil do Banco Econômico. Depois fui praticar triathlon, corrida de aventura e agora, canoa havaiana. Mas a corrida sempre foi o meu esporte preferido.  Mas a assessoria não tem um único foco. Incentivamos e orientamos a prática de vários esportes. Com relação à corrida, incentivamos as de rua e as de montanha.

Lembro que os resultados do treinamento de corrida na assessoria começaram a aparecer já um ano depois. Numa prova em São Francisco, Niterói, exatamente onde temos nossa base de treinos. Eu ganhei uma prova e uma aluno nosso ganho no masculino. Ele também meu aluno no Projeto Fernanda Keller, onde eu era treinadora de corrida. Foi emocionante!

lilia godoi-1Apesar dos bons resultados e do meu histórico de corrida, como não somos uma assessoria exclusiva de corrida ou com o foco tão forte nela, as pessoas não nos procuram tanto e estamos crescendo menos do que gostaríamos nessa modalidade. Vejo outras assessorias com menos resultados expressivos se consolidando mais.  Percebo um pouco de machismo também. Mas seguimos firmes. Acredito que muito pode ser feito ainda.  Acredito que o mercado das corridas de montanha vai crescer mais do que o das corridas de rua nos próximos anos.

Já vendo muita gente migrando das ruas para as montanhas. O modelo da gestão de planilhas é essencial.”

Lilia Godoi usa o sistema de gestão e de planilhas online SisRUN

Compartilhar:

Escreva uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *