leonor2

A funcionária pública Leonor Aparecida Ribeiro Pereira, de 52 anos, mora em Marília, interior paulista. Depois de fazer algumas meias e uma prova de 24K, em 2018 vai encarar sua primeira maratona. Um desafio encarado com disciplina e entusiasmo. Confira!

Quando e como começou o seu envolvimento com a corrida?

A corrida faz parte do meu DNA. Hoje, parando para pensar, vejo que ela sempre esteve presente na minha vida. Lembro que na época de escola eu amava praticar atletismo. O tempo passou e trouxe muitas mudanças. Em 2011 comecei a correr sozinha. Fazia no máximo 6K. Com o tempo criei coragem e me inscrevi em uma prova na minha cidade. Para minha surpresa peguei pódio. Além de uma grande alegria, foi também um incentivo para continuar no esporte. Continuei participando de provas curtas.

Fui fazendo amigos e eles sempre me convidavam para fazer provas mais longas. Até que aceitei o desafio de fazer as 15 milhas na Maratona Internacional de São Paulo.

Busquei ajuda profissional para essa nova etapa. Foi aí que entrou a MLF Assessoria Esportiva na minha vida. Depois das 15 milhas passei a fazer mais provas longas. Fiz mais três meias maratonas entre outras provas curtas.

Essas provas e a orientação profissional me fizeram aceitar um novo desafio. Estou me preparando para minha primeira maratona.

leonor1

 

Como tem sido sua evolução nas distâncias?

Comecei aos poucos e sem grandes pretensões. No começo corria 6K. Com o incentivo de amigos me inscrevi nas 15 milhas (24K). É a distância mais longa que corri até hoje. Após algumas meias maratonas me sinto mais preparada para fazer minha primeira maratona que será no meio do ano. Nossos treinos preparatórios para cada prova giram em torno de 3 a 4 meses.

 

Está focada nos treinos para sua primeira maratona? Como tem sido?

Os específicos irão começar em março. Janeiro e fevereiro estão sendo trabalhados treinos de base para quando entramos nos específicos o corpo não sofrer tanto na adaptação.

 

Lá atrás quando pensou em começar a correr, achava a maratona algo possível? 

Nunca imaginei que seria capaz de fazer uma maratona. Quando estava terminando as 15 milhas e passavam por mim pessoas fazendo a maratona, na minha cabeça eu pensava “essas pessoas são loucas eu nunca vou fazer uma maratona” (rss)…

 

leonorQuando começou a pensar nela?

No final de 2017. Com o incentivo de alguns amigos que também vão participar e a possibilidade de fazer alguns treinos juntos decidi fazer. Mas acredito que será a primeira e última. (risos)

 

Tem ideia do que vai sentir quando alinhar para a largada e quando cruzar a linha de chegada?

A largada de toda prova é sempre emocionante. Imagino que pra maratona minhas pernas vão tremer, meu coração acelerar …quero pensar em conseguir concluir, administrar cada km pra terminar a prova bem. Quanto ao sentimento na chegada… aí nem imagino. Vai ser o melhor de todas as chegadas que já fiz.

 

Tem algum sonho em relação às corridas?

Quero correr pra sempre, nunca parar. Esse é o maior objetivo, continuar correndo, cuidar da minha saúde e ir com o tempo traçando novas metas e objetivos.

 

Qual a importância da MLF neste processo? 

Entrar para a MLF Assessoria e ter um profissional orientando meus treinos me ensinou muito. Principalmente a dosar os treinos, evitando as lesões e me ajudando a chegar realmente preparada em uma prova. Aprendi a correr melhor, melhorar meus tempos, aumentar distância. Tudo isso de maneira saudável e segura.

 

Como o uso do SisRUN facilita os seus treinos?

Ter um aplicativo como o SisRUN ajuda na eficiência da comunicação entre nós, atletas, e nosso treinador. Verifico meu treino no aplicativo, meu treinador recebe meus treinos e me envia o feedback. Isso tudo torna nossa comunicação mais eficiente e os resultados só melhoram.

Compartilhar:

147 Posts

Jornalista, pai e corredor. Vê a corrida como uma ferramente para fazer a vida fazer sentido. Não se preocupa em ser rápido, nem com a chegada. O que importa é o caminho...

Escreva uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *