Adonias de Souza Rêgo Jr mora em Natal-RN e sua experiência com a corrida é bem recente. Começou a correr em 21 de maio do ano passado, com 41 anos. Seu sonho atual é sair dos 16K e chegar aos 21K. Confira!

adonias1“Experimentei a corrida precisamente em 21 de maio de 2018. Precisava melhorar as minhas taxas sanguíneas e com o incentivo da minha esposa lá fui eu. Comecei do zero, do sedentarismo mesmo e em sete meses alcancei os 16K, o que já me permite sonhar com distâncias um pouco maiores, como os 21K. Correr uma meia maratona era algo inimaginável há menos de um ano. Mais precisamente há oito meses, quando entrei para a Go Runners. Mas não é só! Após três meses de treino fiz um exame sanguíneo e todas as minhas taxas melhoraram. Isso, mais a perda de peso foram muito motivantes.

Antes de completar três meses de treino eu já conseguia correr 5 km e segui até os seis meses de treino sem qualquer lesão. Quando entrei no sétimo mês tive uma canelite por conta de duas corridas longas em um curto espaço de tempo e tive que interromper os treinos. Depois de três semanas voltei motivado aos treinos para recuperar o condicionamento de antes.

Por falar em motivação, a Go Runners é essencial para manter a minha lá em cima. E se um dia faltar um pouco de motivação a gente apela para o lado social. Estar na GO é sempre uma nova chance de fazer novas amizades e prospectar novos negócios.

Hoje o meu objetivo é acompanhar e motivar minha esposa nas corridas. Meu sonho de momento é seguir completando as provas, baixando os tempos e me socializando com o grupo depois de cada missão cumprida.

Missões que não são fáceis de cumprir. Aliás sempre há dificuldades, mas como em tudo na vida, temos que superá-las e seguir adiante. Mas há boas recompensas… ânimo, força, disposição! Quando eu treino de manhã, ganho disposição para o resto do dia. E quando treino à noite, fico mais relaxado para dormir, sempre com o sentimento de dever cumprido”.

Compartilhar:

125 Posts

Jornalista, pai e corredor. Vê a corrida como uma ferramente para fazer a vida fazer sentido. Não se preocupa em ser rápido, nem com a chegada. O que importa é o caminho...

Escreva uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *